Destaques
Campeão Indiscutível

Campeão Indiscutível

Uma das maiores vantagens de um campeonato por pontos corridos é que o vencedor costuma ser indiscutível. A exceção, quando ocorrer, é mais por alguma ...

Veja mais

Quando o 100% Não é o Bastante

Quando o 100% Não é o Bastante

O futebol muda muito rapidamente em vários aspectos. Nenhuma fase boa dura para sempre, e nem um mau momento é eterno. Portanto, de modo geral, ...

Veja mais

Internacional na Libertadores 2006

Internacional na Libertadores 2006

É inegável que os colorados estão tendo um 2016 triste e frustrante. O Internacional vem colecionando derrotas e recordes negativos. Lutar contra o rebaixamento é ...

Veja mais

O STJD e um alerta para alguns clubes

O STJD e um alerta para alguns clubes

O futebol brasileiro roda, roda, roda e continua cometendo os mesmos erros de sempre. Chega a ser cansativo! Mas novamente temos o STJD entrando em ...

Veja mais

Curtinhas do Mundo da Bola

Curtinhas do Mundo da Bola

A coluna de hoje vai ser no estilo curtinhas. E começo pela seleção brasileira. O Tite consegui 4 vitórias nos primeiros jogos e o Brasil ...

Veja mais

Fim de Uma Era

Fim de Uma Era

Depois de 22 anos o jornalista José Trajano foi demitido da ESPN Brasil na última semana. Após ser diretor do canal e responsável pela formação ...

Veja mais

Posts Tagged ‘revelações’

PostHeaderIcon 11 Revelações do Brasileirão 2015

Escolhemos algumas revelações do atual Campeonato Brasileiro. Revelações tanto no sentido de novidade, de aparecer agora, mas também algumas no sentido de maior destaque neste torneio, mesmo já tendo atuado em outras edições da competição. Vejam se concordam com a lista das 11 revelações do Brasileirão 2015:
valdívia revelação do Brasileirão

  • Danilo Fernandes (Sport): Ex-reserva do Corinthians, foi para o Sport e fez partidas espetaculares. Até deixar o antigo titular Magrão no banco.
  • Apodi (Chapecoense): Não é um jogador novato, mas foi neste ano que teve um maior destaque. Como a posição anda carente, foi nosso escolhido.
  • Felipe (Corinthians): Começou o ano contestado, mas se firmou na melhor defesa do campeonato. Tem potencial para evoluir mais.
  • Jemerson (CAM): Jogou algumas partidas ano passado, mas foi neste campeonato que virou titular e confirmou sua qualidade na zaga.
  • Douglas Santos (CAM): Tivemos vários bons jogadores na lateral esquerda: Renê, Jorge, Zeca… Mas optamos pelo lateral do Atlético. Bom na defesa e preciso nos cruzamentos.
  • Rodrigo Dourado (Internacional): Outra posição com fartura de revelações: Wallace, Otávio (CAP), Thiago Maia… Mas o volante do Inter demonstrou grande poder de marcação e muita aplicação em campo.
  • Gustavo Scarpa (Flu): Este foi um dos melhores jogadores do Fluminense no Brasileirão. Bom na armação e ainda chega na área para finalizar.
  • Marquinhos Gabriel (Santos): Ele demorou para se firmar num grande clube. Mas é inegável o excelente Brasileirão que o meia santista fez. Se seguir neste ritmo, o futuro é promissor.
  • Malcom (Corinthians): Depois de exagerarem nos elogios quando apareceu, caiu um pouco de rendimento, mas foi muito importante na reta final do campeonato e para o título corintiano.
  • Valdívia (Internacional): Não apareceu agora, mas este foi o campeonato e o ano da sua afirmação, vinha jogando muito bem até se contundir. Vamos ver se volta jogando bem.
  • Luan (Grêmio): Se afirmou neste ano. Cumpriu bem a função, pela esquerda, e ainda ajudou na posição de 9. Foi muito importante pro Grêmio e já conquistou seu espaço na seleção sub-20.

(A lista foi formulado por mim e pelo Alexandre. Mas só após acaloradas discussões, xingamentos e brigas violentas. 😛 )

Share Button

PostHeaderIcon 11 Promessas de Craque Que Não Vingaram

Temos uma nova lista de 11. Nessa lista resolvemos lembrar alguns jogadores que surgiram como promessas de craques e acabaram não cumprindo o prometido. Ficaram pelo caminho, em maior ou menor grau. Ainda que alguns possam reverter a trajetória e brilhar pra valer. Mas, até esta data, estão devendo.

Lembro ainda que a nossa lista se concentrou no período recente, não mais que 10 anos. Também tentamos distribuir a nossa seleção entre vários times e posições – mas a maioria é de meias e atacantes. Essa concentração já evidencia que estes são os mais visados pela imprensa e torcida. Quase sempre com precipitação.

Eis a nossa lista com as 11 promessas de craques que não vingaram:

  • 11 – Kerlon, o Foquinha: Promessa por causa de 1 lance, nunca foi um grande jogador. As atuações na seleção brasileira de base são a única lembrança que restou.
  • 10 – Lenny: Golaço pelo Flu contra o Cruzeiro no Mineirão e mais algumas jogadas de habilidade. Foi para o Palmeiras e daí para o Ostracismo F. C.. Pode ser classificado como um Roger Flores sem grife.
  • 9 – Carlos Alberto: Começou na base do Flu, como promessa de craque. Logo foi vendido para Portugal e rodou por dezenas de clubes. Sempre abaixo da expectativa criada.
  • 8 – Daniel Carvalho: Revelado na base do Internacional, acabou contratado pelo “mundo russo”. Deve ter esquecido o seu futebol lá pela Sibéria.
  • 7 – Dentinho: Revelação do Corinthians e que também foi parar no “mundo russo”. É mais conhecido por ter casado com a Mulher Samambaia do que pelo futebol.
  • 6 – Keirrison: Começou com todo o gás no Coritiba. Tanto que foi contratado pelo Barcelona. Os gols sumiram e as lesões começaram. Hoje tenta retomar a carreira, no antigo clube.
  • 5 – Carlos Eduardo: Uma das várias revelações do Grêmio com o selo “novo Ronaldinho Gaúcho”. Foi para a Alemanha, Rússia, e agora está no Flamengo. Mas nem de longe justifica a fama inicial.
  • 4 – André: Apareceu no Santos, junto de Neymar, Ganso e cia. Naquele time era fácil fazer gols e o André logo foi catapultado à condição de craque. Mas está bem longe disso.
  • 3 – Tartá: Revelado em Xerém, surgiu como promessa do tricolor carioca. Também ficou só na promessa. Atualmente roda em clubes da Série B e C.
  • 2 – Lulinha: Promessa do Wagner Ribeiro F. C. e inflado pela Timão Press. Só foi craque na seleção sub-17. Jogou pouco no Corinthians e hoje defende o Ceará. Pode se recuperar, mas ainda está devendo.
  • alexandre pato the duck 1 – Alexandre Pato: Surgiu bem na base do Internacional, somando habilidade e rapidez. Foi elogiado por muitos, incluindo a “minha pessoa”. Acabou no Milan, onde fazia mais sucesso fora de campo do que pelos gols. O mesmo aconteceu na seleção brasileira. Foi contratado por 45 milhões pelo Corinthians mas ainda não justificou o investimento e a fama. Será que vai???

Essa é a nossa lista de craques que não passaram no “vestibular” do futebol (metade minha, metade do Alexandre). Muitos ficaram de fora, como o Henrique (atualmente no Botafogo), Léo Lima, Thiago Luis, Alex Teixeira (revelado no Vasco), Douglas Costa (do Grêmio), Giuliano (revelado no Paraná), Anderson (reserva no M. United), etc…

Se quiserem adicionar mais alguns, usem a caixa de comentários. E aguardem a nossa próxima Lista de 11.

Share Button

  • Enquete

    • Qual clube corre mais risco de rebaixamento?

      Veja Resultados

      Loading ... Loading ...